Padrasto acusado de estuprar e engravidar enteada é preso

Investigações da Polícia Civil do Pará levaram à prisão, na noite desta segunda-feira (18) de um homem que é acusado de estuprar diversas crianças, todas enteadas dele. Os crimes teriam ocorrido no distrito de Mosqueiro, e com o consentimento da mãe das vítimas, que também foi presa junto com o companheiro.VEJA TAMBÉM:Técnico de enfermagem é preso por estupro de vulnerávelOs crimes foram descobertos graças ao depoimento de uma criança de 13 anos, que foi abusado por este padrasto e acabou engravidando. Assim que souberam da gravidez, o padrasto e a mãe decidiram abortar o feto, que foi morto e retirado da barriga da menina com cerca de 5 meses de vida.PF prende padrasto suspeito de estuprar enteados no ParáOs investigadores descobriram que o feto abortado foi enterrado pelos dois suspeitos, que queriam esconder evidências do crime bárbaro. A criança de 13 anos já está recebendo apoio psicossocial e todo o amparo das autoridades de segurança. Os dois suspeitos, a mãe e o padrasto da menina, estão detidos na delegacia de mosqueiro.Os policiais seguem realizando diligências para tentar encontrar o feto que foi abortado e enterrado. Confira mais detalhes sobre o caso na reportagem de Luiz Otávio Louredo, da RBATV: 

|

Texto Auxiliar: Alinhamento Texto Auxiliar: Link Externo: Alinhar à esquerda: Alinhar à direita: Alinhar ao centro: Fullscreen: Fullscreen Exit: Conteúdo Sensível:

 

Fonte: DOL – Diário Online – Portal de NotÍcias 

Deixe seu comentário
26 C
Belém
- Publicidade -spot_img

Últimas notícias