26 C
Belém

Estudantes do Marajó enfrentam lamaçal para chegar à escola no Marajó

A precariedade do transporte escolar na comunidade de Mato Grande, no Alto Rio Atuá, município de Muaná, no Marajó, vem causando transtornos para alunos, pais e funcionários da escola local. O problema se agrava ainda mais em dias de chuva, quando o acesso à instituição de ensino é dificultado pela lama que toma conta do trecho que leva até a escola.

Foto: Reprodução

Um vídeo gravado por um morador da região, que mostra a dificuldade enfrentada pelas crianças e adolescentes para chegar à escola, viralizou nas redes sociais. Nas imagens, é possível ver estudantes e outros moradores da comunidade pisando na lama, se sujando e arriscando suas vidas para chegar à instituição de ensino.

A situação tem preocupado os pais e responsáveis, que temem pela segurança dos filhos, bem como a qualidade da educação oferecida pela escola. Além disso, os trabalhadores da instituição de ensino também têm sido afetados, já que precisam enfrentar a lama para chegar ao trabalho todos os dias.

Diante da gravidade da situação, a comunidade de Mato Grande está pedindo melhorias à prefeitura de Muaná, que ainda não se pronunciou sobre o assunto. Os moradores reivindicam a construção de uma ponte no trecho para que o acesso à escola seja mais seguro e confortável para todos.

Enquanto aguardam uma solução, os estudantes e trabalhadores da escola seguem enfrentando a lamaçal para chegar à instituição de ensino. A situação é preocupante e requer atenção das autoridades competentes para que os alunos possam ter acesso a uma educação de qualidade e segurança no transporte escolar. 

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias